COMO CONGELAR SALSINHA #DesperdicioZero

Congelar a salsinha, além de evitar o desperdício, também é super prático para o dia a dia. Em muitos lares é praticamente impossível consumir um molho de salsinha por completo. Mesmo bem conservada na geladeira, a salsinha começa a murchar e ficar amarelada entre o 5° e 7° dia.

Os tipos mais comuns de salsinha encontrados no mercado são as de folhas lisas e crespas.

Salsinha crespa e lisa

 

Preparando a salsinha para o congelamento:

Como preparar salsinha congelada

 

  1. Antes de mais nada é essencial lavar e higienizar as folhinhas!

  2. Seque as folhas com papel toalha ou com um secador de folhas. Não é necessário secar demais, apenas tire o excesso.

  3. Retire o talo e pique as folhas bem fininho.

  4. Coloque em um pote ou saco plástico. Guarde em pequenas porções! Mais abaixo explicarei o motivo.

  5. Leve ao freezer e pronto!

Dica: Você também pode colocar a salsinha em uma forma de gelo e completar com água. Depois de congelado, você pode retirar da forma de guardar num saquinho plástico, se considerar que facilita o manuseio.

 

Como utilizar a salsinha congelada

Agora a suaSalsinha na comida vida vai mudar! Desperdício zero na sua cozinha!

Você pode usar a salsinha congelada de diversas formas. É só retirar a porção desejada do freezer e colocar diretamente no seu preparo. Você vai perceber que a salsinha não perde o aroma e que a comida ficará com aquele mesmo sabor gostoso da folha fresca.

 

Caso opte por congelar a folha inteira para uso decorativo é importante saber que a aparência muda um pouco. Neste caso, você deve retirar as folhas da salsinha e deixar descongelar em temperatura ambiente. É coisa de 1 minutinho pra ficar totalmente descongelada. Você vai perceber que a folha perde aquela consistência firme da versão fresca e ficará um pouco translúcida. Mas… quebra o galho para decorar uma refeição!

salsinha congeladasaco     inteira

 

O preparo e o uso vai depender da necessidade de cada um.

Prazo de validade da salsinha congelada:

A salsinha congelada fica perfeita para consumo entre 30 e 60 dias. A diferença na validade vai depender da forma de conservação e também do uso do seu freezer. Deixe eu explicar melhor:Salsinha congelada para decoração

Guardar a salsinha em pequenas porções permite que você retire do freezer apenas o que será utilizado no momento. Assim, não ocorrerá o descongelamento e depois o recongelamento. Este processo “vai-e-vem” é que compromete a validade.

Caso o uso o seu freezer seja intenso, aconselho a conservação por até 30 dias. Isso porque, o ar quente que entra a cada vez que abre-se o freezer, descongela mesmo que minimante a sua salsinha. Por ser uma folha muito pequena, fina e pouco densa, o descongelamento acontece rapidamente e isso vai interferir na validade.

 

Benefícios da salsinha:

Para quem acha que a salsinha fica linda decorando um prato é porque não sabe das outras características dessa folhinha!

A salsinha tem propriedades anti-inflamatórias e ajuda no processo de inflamação hepática e do trato urinário. É antioxidante, contém ácido fólico e as vitaminas A e C. Por ser rica em vitaminas e celulose, também alivia a constipação intestinal.

Então, por que não consumir? Agora você já sabe como conservar e pode ter sempre salsinha à mesa! Bom apetite…

Benefícios da salsinha

Esse post por redigido a partir da experiência da Casa Deguste, especialista em comida congelada. Acompanhe outros post no nosso Blog.

Importante: Algumas imagens utilizadas para ilustrar este texto foram retirada de sites de busca.